terça-feira, 6 de maio de 2008

Depois das aulas de neuroanatomia...

Depois das aulas de neuroanatomia (míseras aulas...deveria ser no mínimo um semestre inteiro sobre nosso cérebro), resolvi comprar alguns livros que tratassem desse assunto tão amplo e complexo: nosso cérebro- como ele funciona, o que influencia em nossa personalidade, etc.
Se eu tivesse tempo sobrando e tamanha paciência, gostaria de organizar algumas idéias dos livros e transcrevê-las pra cá. Mas ficaria enoooorme, e então daria mais certo eu sair emprestando os livros a quem se interessasse rs. Sendo assim, vou colocar só alguns pedaços, sem comentário. Cada um que tire suas conclusões. Pq se eu fosse comentar acho que ficaria maluca, pq eu viajo d+ lendo os livros! Hehehe


“As mulheres possuem mais massa cinzenta no córtex frontal de seu cérebro. Este é o centro que controla nossos comportamentos complexos. Mulheres tb possuem mais conexões entre os dois lados de seu cérebro, o que pode explicar como ela processa vários fluxos de informações diferentes ao mesmo tempo.”

“As mulheres possuem níveis mais altos do hormônio estrogênio, que prolonga a secreção do hormônio do estresse, o cortisol, e ativa um campo maior de neurônios, formando assim uma memória muito mais detalhada da seqüência de eventos de, por exemplo, uma briga.”

“Mulheres usam os dois lados do cérebro para falar, os homens apenas um.”

“Mulheres precisam ser melhores q os homens quanto a capacidade de decifrar a linguagem, dessa forma elas podem determinar melhor as necessidades de seus bebês altamente dependentes que ainda não falam.”

“Se tocar piano ou fazer ginástica são atividades que podem provocar mudanças em nossos cérebros para q possamos desenvolver essas habilidades, será q tb não podemos alterar nosso cérebro ao ‘praticarmos’ as competências do sexo oposto?”

“Minha inspiração é o peixe Thalassoma bifasciatum. Se uma fêmea dessa espécie for a maior do grupo e não houver machos da mesma espécie ao redor, ela passará a ter o comportamento de um peixe macho alguns minutos após a descoberta. A mudança de seus órgãos reprodutores femininos para masculinos será mais lenta, mas ocorrerá alguns dias após a mudança de comportamento. Os humanos possuem um hormônio, vasopressina, semelhante à química cerebral do peixe que estimula a mudança comportamental”

“há um sério risco em tentar categorizar determinados comportamentos como típicos masculinos ou femininos. “

“Ao medir o aprendizado das lesmas, ele descobriu que esse aprendizado depende da criação de circuitos específicos de comunicação no cérebro e que esses circuitos são ajustados por nossa EXPERIÊNCIA”

“O ato de criar uma memória altera seu cérebro”

“A pratica de um tipo de atividade fortalece a eficácia das conexões, reforçando o circuito da memória, e assim a estrutura do cérebro é alterada. No cérebro de uma ginasta, a área responsável pelo equilíbrio e coordenação dos movimentos aumenta a medida que ela se exercita.”

“Algumas das diferenças entre homens e mulheres são conexões permanentes. Mas, assim q nascemos, o ambiente age de forma poderosa para interagir com nossas conexões permanentes, a fim de moldar a forma como agimos e interagimos com os outros.”

“ Educar sua filha seguindo os padrões que a sociedade convencionou como tipicamente femininos pode intensificar essas características na menina”

“Neurônios percorrem distância enormes. Onde eles se instalam, ajudam a determinar nosso temperamento, talentos, fraquezas e espertezas individuais, assim como a qualidade do nosso processo d pensamento. Se os neurônios se desencaminham durante sua viagem, pode resultar em distúrbios e anomalias do desenvolvimento, razão pela qual é tão importante que uma mulher grávida não ingira substâncias nocivas: uma determinada substância química no cérebro, num momento crítico, levará neurônios pelo caminho errado e causará o caos.”

“As conexões dos circuitos serão mais fortes ou mais fracas ao longo de uma vida de acordo com o uso. As conexões com boa absorção para as informações sensoriais recebidas e q podem converte-las em ações efetivas permanentes permanecem inatas e tornam-se fortes. Os outros enfraquecem e morrem.”

“O darwinismo neural é a teoria que explica pq o cérebro necessita ser plástico, capaz de mudar quando o nosso ambiente e nossas experiências mudam. É por isso que podemos aprender e tb desaprender, e que pessoas com lesões cerebrais podem recuperar funções perdidas.”

“OS GENES FIXAM LIMITES PARA O COMPORTAMENTO HUMANO, MAS, DENTRO DESSE LIMITE, HÁ UM ESPAÇO IMENSO PARA A VARIAÇÃO DETERMINADA PELA EXPERIÊNCIA, A ESCOLHA PESSOAL E ATÉ A CHANCE.”

“Em alguns casos, um gene tem o completo controle sobre se a pessoa desenvolverá um determinado traço: se um homem tem o gene para o daltonismo, ele sofrerá desse mal. Por outro lado, é raro que um único gene controle qualquer coisa. Em alguns casos como a doença cardíaca, os genes predispões para possíveis problemas, mas o estilo de vida pode ser um fator determinante mais importante.”

“Estudos mostram que um certo número de traços pode ser determinado por genes, incluindo alienação, liderança, vulnerabilidade ao estresse, e até convicção religiosa e escolha da carreira.”

“Os genes não fazem de um homem um ser alegre , ou violento, ou obeso. Os genes meramente produzem proteínas. O efeito químico dessas proteínas pode fazer com que o cérebro e o corpo do homem fiquem mais receptivos a certas influências ambientais.”

4 comentários:

Fábio disse...

Minha opiniao é o que te falei.
Tipo, algumas coisas são definidas e certas mesmo, tipo as celulas-tronco, que inicialmente estao em branco, mas ai cada uma vai "herdar uma missao" cada uma constituindo uma parte do corpo e tal. (Não entendo mto de biologia nao, hehe. To falando o pouco que li sobre isso). Tipo parece que cada uma vira uma celula especifica e tal. Entao, tipo tem coisas prontas e acabadas, como, eu sou humano, em vez de um sapo, e sou homem, e nao mulher. Isso foi definido no meu nascimento e pronto. Uma cadeira nao vira uma abobora se achar que é uma. Nem eu vou transformar meu corpo no de um sapo, nem um fio de cabelo, se eu achar que sou um. Essas sao as partes imutaveis da coisa.
Agora, tem as outras coisas, que nao sao fundamentais, e como te disse, nestas, acredito que a mente prevalece sobre o corpo, inclusive reprimindo caracteristicas geneticas - e ainda quero escrever sobre isso :) - Parece meio fantastico, mas eu acredito, ainda com quase nada de conhecimentos psicologicos e tal, que a mente prevalece sobre o corpo, em quase todos os sentidos. No caso dessas situações "não-fundamentais".
:D

Larissa disse...

Morgue atacando com a neuroanatomia dela... assim que tiver tempo/paciência vou falar sobre temperatura ;D
Legal essa coisa do cérebro. Se a gente aprendesse umas coisas interessantes assim no colégio, eu gostaria de biologia.

Morg disse...

Biologia é liiinda! *.* kkkkk só é complexa heheh

Larissa disse...

Prefiro Física :D